Aprenda como usar o FGTS para comprar imóveis

Com o novo ano se aproximando, muita gente lista uma série de resoluções, entre elas, sair do aluguel e comprar a casa própria. Os recursos do FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço) podem ajudar muitas pessoas a concretizar esse plano – que ainda é um sonho de vida para grande parte dos brasileiros.

Para aproveitar esse benefício, é necessário seguir algumas regras e o dinheiro só pode ser sacado em determinadas situações.

Neste artigo, mostraremos como usar o FGTS para comprar imóveis e finalmente tirar a casa própria do papel.

Veja o que esperar do mercado imobiliário em 2019 e já fique preparado.

Usar FGTS para comprar imóveis: saiba o que é o benefício

O FGTS é um fundo do empregado pago pela empresa empregadora, depositado na Caixa Econômica Federal.

Funciona como uma reserva de dinheiro para o trabalhador, para ele ficar mais tranquilo caso seja demitido.

O fundo é composto pelos depósitos mensais – equivalente a 8% do salário do trabalhador.

3 maneiras de usar o FGTS para comprar imóveis

Usar FGTS para comprar imóveis é uma boa saída para quem está sem recursos. Existem 3 possibilidades para a compra de imóvel:

  1. Para comprar ou construir um imóvel residencial, usando o fundo para pagar uma parte ou o valor total do bem.
  2. Para amortizar ou liquidar o saldo devedor da casa;
  3. Para quitar uma parte do valor total do imóvel já adquirido, garantindo redução no valor das prestações que restarem.

Quem pode usar FGTS para comprar imóveis?

Se você pretende fazer a compra de imóvel com FGTS saiba que é preciso estar enquadrado em alguns pré-requisitos exigidos para o saque do benefício.

O empregado precisa ter pelo menos três anos de carteira assinada, lembrando que esse período não precisa ser contínuo, mas a somatória de todo o período de trabalho.

Ele também não pode ter qualquer financiamento de imóvel no Sistema Financeiro de Habitação (SFH) no país nem ser proprietário de imóveis na cidade onde pretende fazer a compra.

Outro detalhe importante, é que essa pessoa deve trabalhar ou morar na mesma cidade em que deseja adquirir o imóvel usando o FGTS.

comprar imóveis com fgts

Quais devem ser as condições do imóvel que será adquirido?

Para quem quer saber tudo sobre como usar o FGTS para comprar imóveis é importante estar atento às condições do bem que será adquirido, já que existem algumas exigências para a liberação do recurso.

  • O imóvel deve ser avaliado em até R$ 1.500.000,00, independentemente do estado em que estiver localizado.
  • O lote em que o imóvel será construído deve ser de propriedade do beneficiário, no caso de saque do recurso para construção sem compra de terreno.
  • O imóvel precisa, necessariamente, ser residencial e urbano e ser destinado à moradia do beneficiário.
  • Apresentar condições plenas de moradia e ausência de vícios de construção na data da avaliação final.
  • Estar matriculado no Registro de Imóveis sem qualquer ocorrência que impeça sua venda.
  • Em sua última aquisição, o imóvel não pode ter sido comprado com FGTS (pelo menos nos últimos 3 anos).

Use seu FGTS! Encontre o imóvel ideal em Belo Horizonte e conclua o sonho da casa própria.

Qual a documentação necessária para fazer sacar FGTS para compra imóvel?

Primeiro, o beneficiário deve reunir toda a documentação necessária, exigida pela Caixa Econômica Federal.

  • Documento oficial de identificação;
  • Extrato da conta do FGTS;
  • Carteira de trabalho ou declaração de mão de obra (para trabalhador avulso);
  • Declaração de Imposto de Renda de Pessoa Física. Para pessoas casadas, apresentar também a declaração do cônjuge.

Também é preciso apresentar documentação referente ao imóvel que será comprado com o dinheiro do FGTS:

  • Certidão atualizada de inteiro teor de matrícula.
  • Cópia do IPTU.

Para sacar o recurso, basta informar ao seu agente financeiro (um banco, consórcio ou companhia de crédito imobiliário) o desejo de fazer essa solicitação.

Esse agente entra em contato com a Caixa Econômico e é ele quem vai receber esse recurso, quando liberado.

Dessa forma, não é o comprador quem lida com o dinheiro de forma direta, mas o intermediador da compra.

A liberação leva em torno de cinco dias, mas os outros processos para a compra podem demorar mais tempo – até 90 dias.

É possível usar FGTS para comprar imóveis sem a intermediação da Caixa Econômica Federal?

Embora as contas do FGTS sejam criadas na Caixa, não necessariamente você precisa financiar o imóvel com esse banco.

Como foi dito no tópico anterior, o beneficiário deve procurar o banco com o qual deseja transacionar o financiamento e informar sobre o desejo de utilizar o FGTS como recurso para aquisição.

O próprio banco faz a solicitação e deve incluir alguma cláusula no contratado, destacando a utilização do fundo.

Benefícios de usar FGTS para comprar imóveis

Saber como usar o FGTS para comprar imóveis e aproveitar esse recurso que todo trabalhador tem direito proporciona muitos benefícios:

  • Se o saldo do FGTS estiver alto, ele pode conseguir comprar o imóvel à vista, e concretizar o tão sonhado desejo de ter a casa própria.
  • Caso o valor não possibilite a quitação integral do imóvel, você consegue utiliza-lo como entrada, abatendo uma parte significativa da dívida.
  • O FGTS é uma solução importante para organizar seu planejamento financeiro e conseguir tirar do papel o plano de aquisição da casa própria – que pode mudar a vida de uma pessoa.

Como saber meu saldo do FGTS?

Para conferir o saldo do FGTS e ver quanto de recurso pode ser utilizado na compra do imóvel, acesse o site do Fundo de Garantia.

Informe o número do NIS e senha cadastrada. Se for o primeiro acesso, será necessário fazer um cadastro rápido.

Se preferir, vá a uma agência da Caixa Econômica Federal, portando documento de identidade e número do NIS e faça essa consulta pessoalmente.

Se você chegou até aqui, é por que pensa em adquirir um imóvel utilizando seu FGTS, de maneira integral ou parcial. Conheça os empreendimentos da Intacta Engenharia, em Belo Horizonte, e se surpreenda com imóveis modernos e de alto padrão, com excelentes condições de financiamento.

Comentários

comentários