Decoração com plantas: saiba como trazer um novo visual para sua casa

Montar a casa nova e decorar todos os cômodos é um momento agradável. Afinal, você está organizando como vai ficar o local em que você vai morar – o seu lar!

Porém, a escolha nem sempre é fácil. Os móveis e objetos devem estar alinhados ao espaço, orçamento, usabilidade e gosto pessoal do dono. E se são dois moradores ou mais, a decisão final é ainda mais difícil.

Uma boa dica para ajudar nesse momento, é a decoração com plantas. Por serem organismos vivos, interagem com o ambiente e com as pessoas, além de trazerem um toque de verde e sensação de frescor para casa. Nesse artigo, trouxemos algumas dicas de como usá-las para decorar a sua casa.

Por que optar pela decoração com plantas?

Além do equilíbrio estético e a possibilidade de ter um visual diferente em cada estação do ano, a decoração com plantas traz uma série de benefícios para a casa e seus moradores.

Alguns estudos ainda apontam que as plantas decorativas ajudam na concentração, tanto para estudar quanto para trabalhar, e são terapêuticas, trazendo novas responsabilidades e a recompensa de vê-las crescendo fortes e bonitas.

decoração com plantas

Comece a decoração com plantas agora mesmo

Confira 6 dicas para começar a decoração com plantas e dar um toque especial à área interna da sua casa.

1 – Escolha o lugar ideal de acordo com a iluminação

O primeiro passo para começar a decoração com plantas é escolher o local onde elas serão alocadas. A iluminação natural é fundamental para seu desenvolvimento e qualidade de vida das suas plantinhas.

Quem mora em grandes centros e sofre com a poluição, pode ganhar um ambiente com ar mais purificado. As plantas convertem o dióxido de carbono em oxigênio e algumas delas ajudam a remover toxinas do ar. Também aumentam a umidade, o que reduz a quantidade de pó e colaboram para a saúde, de forma geral.

Por isso, opte por áreas em que haja contato direto com a luz do sol em algum momento do dia e deixar as plantas mais perto das janelas. É importante consultar a espécie da planta, pois a necessidade da intensidade de luz que ela pode variar.

2 – Cantos combinam muito bem com as plantas

Um lugar da casa que naturalmente combina com as plantas decorativas são os cantos das paredes. Os vasos trazem harmonia e beleza sem a necessidade de realocar todos os móveis do ambiente. É uma forma prática de começar esse tipo de decoração para quem ainda não tem muita experiência.

3 – Utilize suportes suspensos em cômodos com pouco espaço

Se os vasos parecem ocupar muito espaço, a decoração com plantas pode ser feita de forma suspensa. Utilize suportes presos ao teto e garanta vida ao seu ambiente, mesmo nos cômodos pequenos.

4 – Jardim vertical é opção bonita e versátil

Sabe aquele espacinho que sobrou na sua parede? Dá para aproveitar com um jardim vertical. Bastante versáteis, combinam com as decorações mais descoladas até as mais sofisticadas. Basta escolher o modelo mais adequado.

Ele pode ser criado em pallets, treliças, fibra de coco ou mesmo montados em sistemas de encaixe próprios para esse fim. Há uma série de modelos e você pode escolher o que mais se adapta à sua decoração e ao espaço disponível.

5 – Quadros de plantas também são alternativas

Se as dicas anteriores ainda não se adaptam ao pouco espaço disponível na casa, essa, com certeza, vai se adaptar. Você pode usar um quadro de parede e criar um quadro vivo, usando plantas pequenas.

É só escolher um quadrinho da sua preferência, preencher o interior com uma placa fina de madeira no fundo, terra e húmus, em sequência feche com uma telinha – pode ser uma daquelas usadas em construção. Por fim, basta encaixar as plantinhas.

6 – Plantas maiores são presença marcante

Para quem prefere uma decoração mais marcante e ousada, as plantas maiores, de origem tropical, são o tipo ideal para a sua sala de estar ou de jantar. Com caules mais grossos e folhas alongadas, elas passam a ser o ponto essencial da ornamentação e devem ser escolhidas com atenção.

Conheça as melhores espécies para usar em ambientes internos na decoração com plantas

Mesmo escolhendo cômodos arejados e iluminados para alocar as plantas, não é possível trazer qualquer espécie para os ambientes internos.

Para uma decoração com plantas mais acertada, o ideal é escolher as que melhor se adaptam a locais fechados e que não necessitem de tantos cuidados específicos quanto as que são plantadas em jardins e áreas externas.

Veja algumas opções que podem ser usadas na parte de dentro da casa:

Árvore da felicidade

Há algumas crenças populares em relação à árvore da felicidade, como a ideia de que ela deve ser ganhada (e não comprada) e que traz sorte. O que se sabe, realmente, é que é indicada para interiores.

Essa espécie não gosta de sol em excesso, podendo ter as folhas queimadas, e nem suporta ventos ou ar condicionado. Precisa ser regada regularmente, mas não todos os dias.

Suculentas

Essas plantas são muito fáceis de cuidar e existem em diferentes formatos e tamanhos. Com raiz grossa, conseguem armazenar água por bastante tempo. Podem ser usadas em todos os cômodos, inclusive na cozinha e no banheiro.

Samambaias

Indicadas para vasos suspensos ou em cantos mais altos, tem folhagem verde-clara e enriquecem a decoração. São indicadas para interiores por não gostarem de vento.

Violetas

Ideais para dar um toque de cor à sua casa, as violetas não precisam de muita água e também não gostam de sol. Combinam com vários ambientes e são fáceis de cuidar. Seguindo as orientações corretamente, podem dar flores o ano inteiro e deixar a decoração mais bonita.

Antúrio

O antúrio tem folhas em formato de coração e flores que podem ser vermelhas, brancas, verdes ou roxas. Trazem um ar retrô à decoração e necessitam de pouca água, já que a raiz apodrece com o excesso de umidade.

Que tal usar essas dicas na sua casa nova? Conheça imóveis à venda em BH e escolha onde será seu próximo endereço!

Comentários

comentários